Home Distrito Federal BRB convoca 50 novos escriturários aprovados no último concurso

BRB convoca 50 novos escriturários aprovados no último concurso

0
BRB convoca 50 novos escriturários aprovados no último concurso

Em continuidade ao ciclo de expansão, o Banco de Brasília (BRB) vai convocar 50 novos escriturários aprovados no último concurso, realizado no ano passado. A convocação será feita por meio de publicação no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) da próxima segunda-feira (11).

Desde 2019 alinhado ao planejamento estratégico de expansão nacional e de crescimento da linha de negócios, o BRB promoveu cinco concursos públicos | Foto: Divulgação/ BRB

O cargo de escriturário é porta de entrada da carreira bancária, com salário de R$ 4.065,83. A jornada de trabalho é de seis horas diárias, totalizando 30 horas semanais.

“Os novos empregados vão atuar para garantir, cada vez mais, que o BRB seja moderno, completo e inovador e garantir as melhores experiências aos nossos 7,6 milhões de clientes em todo o Brasil”

Paulo Henrique Costa, presidente do BRB

“O BRB cresceu em tamanho e importância, e é essencial que possamos trazer novas pessoas para atuar na trajetória de expansão da instituição. Os novos empregados vão atuar para garantir, cada vez mais, que o BRB seja moderno, completo e inovador, e garantir as melhores experiências aos nossos 7,6 milhões de clientes em todo o Brasil”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Os 50 novos empregados convocados serão submetidos aos exames previstos em edital e deverão apresentar a documentação solicitada no prazo estipulado.

Após finalizadas as etapas de avaliação médica e de entrega de documentos, os convocados passarão pelo processo de integração na instituição.

Desde 2019, alinhado ao planejamento estratégico de expansão nacional e de crescimento da linha de negócios, o BRB promoveu cinco concursos públicos. Nesse período, foram convocadas mais de 1.000 pessoas, entre escriturários, analistas de tecnologia da informação, advogados, engenheiro e médico do trabalho.

*Com informações do BRB

Fonte: Agência Brasília