Home Distrito Federal Dia da Mulher da Defensoria Pública registra mais de 2,8 mil atendimentos

Dia da Mulher da Defensoria Pública registra mais de 2,8 mil atendimentos

0
Dia da Mulher da Defensoria Pública registra mais de 2,8 mil atendimentos

A 11ª edição do Dia da Mulher da Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) realizou 2.832 atendimentos nesta segunda-feira (1º). A iniciativa ocorre na primeira segunda-feira de cada mês. Caso seja feriado, o evento é realizado no primeiro dia útil subsequente. Nas 11 edições do evento, realizadas desde maio de 2023, o Dia da Mulher realizou 10.361 atendimentos. A cada mês, novas parcerias são firmadas com o objetivo de ofertar mais serviços exclusivos para mulheres em situação de risco devido a fatores sociais, econômicos e culturais.

Nas 11 edições do Dia da Mulher, realizadas desde maio de 2023, o Dia da Mulher realizou 10.361 atendimentos | Fotos: Lucas Felipe/DPDF

A ação ofertou atividades educativas de autocuidado, como a prática de esportes, atividade física, alimentação e música, além de avaliação bucal e encaminhamento para atendimentos. Os serviços foram prestados pelo Instituto Aria. Outra novidade do evento foi a realização de avaliação fisioterapêutica, terapia manual, liberação miofascial e massagem relaxante, ofertadas pela Faculdade Anhanguera. O Núcleo Integrado de Atendimento à Mulher da Polícia Civil do DF também participou da ação e realizou atendimento psicológico para vítimas de violência doméstica, além de orientação e sessão de terapia.

“Tenho 63 anos e nunca tive tempo para cuidar de mim. Estou muito feliz e quero voltar sempre”

Francisca do Carmo, aposentada

Para a subdefensora pública-geral Emmanuela Saboya, as novas parcerias são fundamentais para ampliar o alcance e a eficácia da iniciativa. “A ampliação da rede de apoio possibilita o acesso a recursos adicionais, expertise diversificada e alcance mais abrangente para atender às necessidades específicas das mulheres em situação de vulnerabilidade, promovendo uma abordagem colaborativa e integrada, essencial para enfrentar os desafios complexos que essas mulheres enfrentam”, defendeu.‌

Luciana Silva, de 54 anos, procurou o atendimento odontológico e foi atendida pela equipe do Instituto Aria. A moradora de Samambaia fez a avaliação, recebeu orientações sobre saúde bucal e autocuidado. “O atendimento foi ótimo. É uma oportunidade para que as mulheres resolvam várias pendências no mesmo dia”, comemorou.

A aposentada Francisca do Carmo procurou o atendimento do Dia da Mulher pela primeira vez e teve a oportunidade de fazer uma massagem relaxante. “Tenho 63 anos e nunca tive tempo para cuidar de mim. Sempre cuido dos meus filhos e netos, e hoje recebi atendimento e atenção da equipe da faculdade Anhanguera. Estou muito feliz e quero voltar sempre”, contou.

Serviços gratuitos 

Essa edição do Dia da Mulher contou com parcerias inéditas, o que proporcionou maior rede de apoio | Foto: Divulgação/ DPDF

O Dia da Mulher ofertou, ainda, atendimentos de mediação, orientação jurídica, Iniciais de Família e de Fazenda Pública, acompanhamento processual, exames de DNA e atendimento psicossocial. A ação ofereceu também vagas de estágio de ensino médio, técnico e superior, além de vagas para jovem aprendiz ao público de 14 a 24 anos, disponibilizadas pelo Instituto da Fecomércio-DF.

A Secretaria da Mulher do DF entregou kits e panfletos informativos, além da prestação de orientações a mulheres vítimas de violência. A ação contou também com a prevenção e o enfrentamento da violência doméstica contra a mulher, ofertados pelo Núcleo Judiciário da Mulher do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), que disponibilizou atendimentos psicossociais de orientação e de sensibilização.

Mulheres em situação de vulnerabilidade social participantes do projeto contaram ainda com mamografias, exames citopatológicos, distribuição de vouchers para a inserção de DIU, odontologia, consultas com uma médica da família e com profissionais de enfermagem, realizados pelo Serviço Social do Comércio (Sesc).

A ação também contou com a parceria do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), que realizou cadastros no Programa Senac Cursos de Gratuidade (PSG). O Senac também levou a Carreta da Beleza, que ofertou serviços voltados à autoestima da mulher, como cortes de cabelos, tranças e depilação de face e buço, todos no período matutino.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda do DF ofertou vagas de empregos e atendimentos ao empregador, como CTPS Digital, seguro-desemprego, orientação profissional, Cesta do Trabalhador, inscrições e orientações para diversos cursos de qualificação profissional e de orientações sobre o programa Prospera, de microcrédito.

A Secretaria da Pessoa com Deficiência do DF realizou o Cadastro da Pessoa com Deficiência, a Carteira de Identificação para Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, orientações sobre passe livre especial e sobre Benefício de Prestação Continuada (BPC). A Codhab realizou atendimentos referentes à regularização e à inscrição em programas habitacionais. A Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, por meio da Subsecretaria de Apoio a Vítimas de Violência (Subav), prestou apoio psicossocial às vítimas de violência e seus familiares.

A Fiocruz disponibilizou exames de autocoleta de prevenção do câncer do colo do útero para as mulheres de 30 a 49 anos. O Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Móvel, da Secretaria de Desenvolvimento Social do DF, ofertou a prestação de serviços socioassistenciais, com a disponibilização de 100 senhas. A Caesb distribuiu água potável ao longo do evento.

*Com informações da DPDF

 

Fonte: Agência Brasília