- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
20.6 C
Distrito Federal
- PUBLICIDADE -

Grupo vai elaborar ações de prevenção e combate à violência contra a mulher

Como forma de fortalecimento de equipamentos e forças humanas para atender ações de proteção à mulher, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) publicou, no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta terça-feira (23), ato que institui grupo de trabalho para elaboração, planejamento e execução de curso obrigatório aos servidores das forças de segurança pública e do sistema penitenciário do DF. Na prática, serão ministrados temas de aperfeiçoamento e aplicação de ações de suporte e de prevenção de riscos no enfrentamento e combate à violência contra a mulher.

O curso, coordenado pela SSP, será realizado nos formatos presencial e à distância, trazendo temas jurídicos, abordagem humanizada, estratégias de prevenção, sensibilização, treinamento operacional e protocolos das forças. A produção dos materiais e ajustes do calendário do curso já estão em andamento. As aulas serão estruturadas em módulos liberados gradativamente aos servidores, que serão submetidos a avaliações para cada temática abordada. A previsão de início é no primeiro semestre deste ano.

O curso será realizado nos formatos presencial e à distância e terá início ainda este semestre | Fotos: Divulgação/SSP-DF

Para o secretário de Segurança Pública, Sandro Avelar, os servidores da pasta devem liderar o exemplo de respeito às mulheres. “Todo o governo está afinado nesse esforço de prestigiar as nossas mulheres e fazer do DF um exemplo para o país”, observa.

Participam de todo o processo, desde a elaboração do cronograma e identificação das matérias obrigatórias até a aplicação das provas, servidores da Secretaria de Segurança Pública, da Polícia Civil (PCDF), da Polícia Militar (PMDF), do Corpo de Bombeiros (CBMDF), do Departamento de Trânsito (Detran-DF), e das secretarias de Administração Penitenciária (Seape), de Justiça e Cidadania (Sejus), da Saúde (SES), e da Mulher (SMDF).

“O trabalho da Polícia Penal integrado ao das demais forças de segurança no combate ao crescente número de casos de violência doméstica contra a mulher no DF é fundamental. Conscientizar o efetivo policial sobre o tema é de fundamental importância para auxiliar na prevenção e combate, inclusive, para que o agente não seja parte em crimes de violência contra a mulher”, destaca o secretário de Administração Penitenciária, Wenderson Teles.

A ação é integrada entre vários órgãos do GDF, como as secretarias de Segurança Pública, de Saúde, de Justiça e outras

DF Mais Seguro – Segurança Integral

As ações fazem parte do programa DF Mais Seguro – Segurança Integral e aborda o eixo Servidor Mais Seguro, que objetiva promover a qualidade de vida no trabalho, o aperfeiçoamento das habilidades e a atenção à saúde dos profissionais de segurança pública, fomentando o bem-estar físico e mental dos servidores, com impactos visíveis no serviço prestado à sociedade.

A Segurança Pública lançou uma série de ações voltadas à prevenção e ao combate à violência contra a mulher. A criação da Política das Mulheres na Segurança Pública para o combate à desigualdade de gênero, do Conselho das Mulheres da Segurança Pública, da Comissão Especial de Prevenção e Combate ao Assédio, e do programa Ressignificar são exemplos das medidas lançadas pela pasta. O novo Grupo de Trabalho faz parte do programa Ressignificar, que prevê a capacitação de 100% dos servidores do segmento no respeito e no combate à violência contra a mulher.

*Com informações da SSP-DF

The post Grupo vai elaborar ações de prevenção e combate à violência contra a mulher appeared first on Agência Brasília.

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -