- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
20.6 C
Distrito Federal
- PUBLICIDADE -

Idosos participam de aulão de redação para vestibular da UnB

A educadora social Dália Rodrigues sempre teve o sonho de cursar uma graduação. Agora, aos 63 anos, viu a oportunidade bater à sua porta e não pensou duas vezes. No próximo dia 28 de janeiro, ela prestará vestibular da Universidade de Brasília (UnB) exclusivo para pessoas com 60 anos ou mais. Para auxiliar na realização desse sonho, contam com o apoio do GDF, que oferece aulões gratuitos para os idosos.

Com a iniciativa dos aulões, idosos têm a chance de mudar de vida e realizar o sonho do curso superior | Fotos: Joel Rodrigues/ Agência Brasília

“Essa é uma oportunidade maravilhosa de estudo. Eu quero tirar 900 pontos na redação, então estou aproveitando as aulas gratuitas. Quero passar e fazer meu curso superior. Sempre quis, mas não tive como estudar. Meus filhos estão todos formados, e agora chegou a minha vez”, conta Dália, que pretende ingressar no curso de Saúde Coletiva.

Assim como ela, outras 100 pessoas participaram do aulão de redação promovido pela Biblioteca Pública de Ceilândia na noite desta quarta-feira (17). A aula foi repetida nesta quinta-feira (18). Durante os estudos, os vestibulandos aprenderam técnicas de redação que serão cobradas na prova da UnB.

“Ao lançar esse vestibular para pessoas com 60 anos ou mais, a UnB oferece uma oportunidade única de auxílio a esses estudantes. Para essa parcela da sociedade, é um sonho ingressar na Universidade de Brasília. As bibliotecas públicas têm a missão de ser um centro de informação, cultura e educação. Para nós, é uma alegria encontrar esse público neste espaço”, destaca a coordenadora da Biblioteca de Ceilândia, Pollyanna Souza.

Aprendizado diferenciado

Para a professora de português e redação, Kássia Braga, voluntária no projeto, o governo está cumprindo o que diz a Constituição ao oferecer educação para todos. “Todos têm esse direito, mas muitos, devido a problemas na vida, acabam por perdê-lo. Ao oferecer um vestibular para esse público e dar incentivo com aulas gratuitas, o GDF está garantindo esse direito a todos nós”, ressalta.

Atuando em cursos preparatórios para concursos, Kássia adaptou materiais para a faixa etária dos idosos, incluindo um resumo com as principais dicas em uma fonte maior, facilitando a leitura. “A estratégia é trazer uma linguagem simplificada, mais didática e voltada para a realidade deles. Muitos estão fora da sala de aula há muitos anos, então estamos trabalhando nos pontos mais importantes para que consigam interpretar o tema, estruturar a redação e fazer uma boa prova”, detalha a professora.

O comerciante Edson Bernardino reflete: “É uma nova visão da população que está nos 60 anos ou mais, mostra que o país está evoluindo, dando oportunidades para essas pessoas mostrarem que ainda têm a capacidade de aprender, ensinar e ajudar o nosso país”

Essa era a expectativa do comerciante Edson Bernardino, de 64 anos, que se deslocou da residência no Guará para assistir ao aulão e acredita que os conhecimentos adquiridos o ajudarão na prova. “Com o tempo, esquecemos alguns pontos, né? Então eu espero que o aulão venha preencher essa lacuna, dar uma refrescada na cabeça e relembrar com os professores jovens, que estão com o sangue novo, e tudo ainda de graça”, acredita.

Assim como a maioria dos outros alunos, o comerciante destaca que as obrigações da vida o afastaram da sala de aula, mas acredita que, com a mudança de visão da população em relação aos maiores de 60 anos, mais oportunidades estão surgindo. “É uma nova visão da população que está nos 60 anos ou mais, mostra que o país está evoluindo, dando oportunidades para essas pessoas mostrarem que ainda têm a capacidade de aprender, ensinar e ajudar o nosso país”, pensa Bernardino.

Aulão ao vivo

A educadora social Dália Rodrigues sonha com a graduação em saúde coletiva

Nesta sexta-feira (19), a Biblioteca Nacional de Brasília (BNB) promoverá, das 14h30 às 17h, o terceiro aulão de redação voltado aos idosos. Participarão presencialmente 205 vestibulandos previamente inscritos. A aula será transmitida ao vivo pelo canal da BNB no Youtube para aqueles que não conseguiram se inscrever.

“Estamos atendendo mais de 10% dos inscritos no vestibular da UnB; a procura foi muito grande. Para aqueles que não acompanharão presencialmente, podem assistir à transmissão, e os materiais estarão disponíveis no Instagram”, informa a diretora da biblioteca, Marmenha Rosário.

Segundo ela, os alunos terão dicas de redação, estratégias para a prova, passo a passo da elaboração, como não fugir do tema, o tamanho certo da redação e não escrever fora da área do texto. “São coisas que podem parecer simples, mas para quem está há mais de 40 anos sem fazer uma prova, são informações essenciais.” A BNB tem tradição em realizar aulões; no ano passado, a iniciativa também beneficiou jovens candidatos do Enem, do PAS e do vestibular da UnB.

Vestibular da UnB

Por meio do programa 60+, a UnB oferece 136 vagas em 37 cursos de graduação para maiores de 60 anos. A prova está marcada para o dia 28 de janeiro.

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -