Home Distrito Federal Visita técnica qualifica produtores e trabalhadores rurais no manejo de uva para vinhos finos

Visita técnica qualifica produtores e trabalhadores rurais no manejo de uva para vinhos finos

0
Visita técnica qualifica produtores e trabalhadores rurais no manejo de uva para vinhos finos

Produtores e extensionistas rurais fizeram nesta terça-feira (12) uma visita técnica à área experimental de cultivo de uvas, na AgroBrasília. O objetivo do evento organizado pela Emater-DF foi mostrar na prática como deve ser feita a poda de produção nas plantas para que os frutos sejam colhidos no inverno. A estratégia visa à produção de vinhos finos.

O grupo acompanhou a tecnologia usada na poda de produção numa área com meio hectare de extensão cultivada com uva syrah, específica para vinhos finos, dentro do Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, mantida pela Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF). De acordo com o supervisor da Regional Leste, Fabiano Carvalho, a técnica da dupla poda, quando a planta é submetida à poda de formação e à poda de produção, tem se mostrado mais eficaz para a vitivinicultura do DF.

A produção de uvas para vinhos finos no DF é bastante promissora e que deve crescer ainda mais após a inauguração da Vinícola Brasília | Foto: Divulgação/ Emater

“Muitos produtores e extensionistas ainda têm muitas dificuldades. Nosso objetivo foi tirar esse mito de que é difícil e mostrar que a poda é simples, bastando ser feita no período certo e da maneira correta. Isso garante que os frutos cresçam no inverno, quando há uma grande amplitude térmica, frio de noite e sol quente durante o dia, e garante a produção de uvas mais doces”, explica Fabiano Carvalho.

Uma equipe da Vinícola Paula, no Gama, participou da atividade para aprimorar as técnicas empregadas no plantio de uvas grenache, cabernet sauvignon, chenin blanc e malbec e produzir plantas bem formadas, com boa aparência e frutos com mais qualidade para se extrair do melhor do terroir. A propriedade está se estabelecendo no enoturismo.

“Aprendi o jeito da poda que eu não sabia como fazer. Temos três hectares plantados de uvas para produção de vinhos finos e vamos ampliar para seis hectares no total. Portanto, é importante ampliar o conhecimento no assunto”, comenta o gerente da vinícola, Ayrton Senna Calixto Rodrigues da Silva.

Ação da Emater-DF pretende qualificar os produtores e trabalhadores que já estão na vitivinicultura ou que pretendem iniciar a atividade

Crescimento

O gerente de Fruticultura da Emater-DF, Felipe Camargo, que coordenou a visita técnica, ressaltou que a produção de uvas para vinhos finos na região é bastante promissora e que deve crescer ainda mais após a inauguração da Vinícola Brasília.

Dessa forma, a vitivinicultura local vai precisar tanto de produtores quanto de trabalhadores qualificados. A ação da Emater-DF pretende disseminar a vitivinicultura no DF e qualificar os produtores e trabalhadores que já estão na área ou que pretendem iniciar a atividade.

“Essa é a quarta oficina que ministramos nesse espaço experimental da Coopa-DF, onde temos toda liberdade para trazer produtores e trabalhadores para aprenderem vendo como se faz. Já houve oficina de poda de formação, controle de doença, irrigação e agora poda de produção, que é uma fase do manejo muito importante para garantir a colheita de bons frutos no final de julho e início de agosto. Aqui viemos em campo para visualizar, memorizar e aprender de fato. É diferente de ensinar em sala de aula ou mostrar por meio de um slide para qualificar o produtor e o trabalhador”, afirma Felipe.

*Com informações da Emater-DF

Fonte: Agência Brasília