- PUBLICIDADE -
13.6 C
Distrito Federal
- PUBLICIDADE -

Caiado se reúne como produtores da Faeg

 

O governador Ronaldo Caiado participou, na noite desta quinta-feira (23/6), do Encontro de Dirigentes Sindicais, promovido pela Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar Goiás). O evento reuniu 317 produtores de todas as regiões do estado para debater o panorama macroeconômico brasileiro e mundial, bem como projetar cenários para os próximos anos, com objetivo de aprimorar o desenvolvimento da economia agropecuária.

“O Estado tem condições hoje, com a parceria, seja na pecuária ou agricultura, com projetos alavancados por vocês de acompanharmos o crescimento de Goiás e não ficar para trás”, ressaltou o governador Ronaldo Caiado ao mencionar a atuação conjunta para viabilizar projetos de infraestrutura para escoamento e suporte à produção rural. Para o governador, o grupo representa o alicerce da economia goiana. “É uma oportunidade de rever amigos e comemorar a agropecuária que combate a fome, gera emprego e cada vez mais oportuniza aqui renda melhor para as pessoas que vivem no setor rural”, afirmou.

Na oportunidade, Caiado reforçou a importância do encontro para desenvolver novos dirigentes e continuar fomentando o crescimento do campo. Em abril de 2022, o agronegócio respondeu por 85,7% das exportações goianas. “É um momento em que ficam em processo de imersão. É uma pauta ampla”, afirmou. O total comercializado pelo setor, em valor FOB (Free On Board), foi de US$ 1,1 bilhão, sendo que o complexo soja lidera a lista de produtos mais vendidos.

“Antes, o setor produtivo rural nunca foi ouvido para nada”, declarou o presidente do Sistema Faeg/Senar/Ifag e deputado federal, Zé Mário Schreiner. “Hoje decisão é tomada em conjunto em Goiás, não para o melhor do compadrio político, mas para o melhor do Estado”, frisou ao destacar que a prerrogativa da parceria com a atual gestão tem sido desenvolvimento e geração de renda e emprego.

Para o governador Ronaldo Caiado existe um “respeito recíproco” na relação com as lideranças do setor, visto que também é produtor rural e atua há quase 40 anos em defesa do agronegócio. “Nunca perdemos o norte, nunca deixamos de saber o que é principal. O principal jamais ficou comprometido: direito de propriedade, economia de mercado e representatividade no Congresso Nacional”, enumerou o governador.

O ex-deputado federal Daniel Vilela ressaltou o trabalho de Caiado na defesa do segmento. “Se tem alguém que ninguém nesse país pode questionar a liderança em relação ao agronegócio brasileiro, é o senhor”, defendeu ao afirmar que Caiado foi o grande representante do setor por seis mandatos no Congresso Nacional, embora hoje esteja dedicado ao Estado. “Não deixam os brasileiros de reconhecer o senhor como a grande figura, o grande representante”, concluiu.

Encontro

A programação contempla palestras e debates ministrados por especialistas sobre temas relacionados ao setor produtivo. Um dos destaques foi a participação do engenheiro agrônomo Marcelo Prado, mestre em Gestão Empresarial e especialista em Parcerias e Alianças, Liderança e Trabalhos em Equipe pela Universidade Central da Flórida (EUA), com a palestra: Os desafios de um líder no agronegócio.

Presidente do Sindicato Rural de Paranaiguara, Marcos Capanema, acredita que o momento formativo é importante para o balanço das ações em prol do segmento e destacou avanços. “Hoje temos consolidado o trabalho da patrulha rural, que é de extrema importância. Baixou sensivelmente o nível de criminalidade no campo”, enalteceu ao citar o Batalhão Rural, que instituído por Ronaldo Caiado, registra queda de 80% nos índices de crimes na zona rural. “Hoje temos 95 viaturas que trabalham de forma organizada para levar segurança ao produtor. São 67 mil propriedades cadastradas”, explicou o comandante do Batalhão, tenente-coronel André Luiz Carvalho.

Agro em Goiás

Caiado ressaltou que o Governo de Goiás vem investindo pesado em projetos voltados à agricultura e à pecuária. De janeiro de 2019 até este mês, a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) entregou 810 máquinas e implementos aos municípios goianos por meio do programa Mecaniza Campo. Mais de 95% das prefeituras receberam ao menos um item entre retroescavadeiras, caminhões basculantes, caminhões-pipa, tratores agrícolas e motoniveladoras. Em outra frente, foram aprovados R$ 835,7 milhões em financiamentos na modalidade Rural entre os meses de janeiro e junho deste ano, com 756 cartas-consultas deferidas e previsão de criação de 1.463 empregos no Estado.

Estiveram presentes no evento os secretários de Estado Andrea Vulcanis (Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável), Joel Sant’Anna Braga Filho (Serviços, Indústria e Comércio), Cristiane Schmidt (Economia), Tiago Mendonça (Agricultura, Pecuária e Abastecimento); os presidentes da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) e Agência Goiana de Habitação (Agehab), Pedro Sales, e da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), Pedro Leonardo; o prefeito de Santo Antônio do Descoberto, Aleandro Caldato; o presidente da Fundo para o Desenvolvimento da Agropecuária do Estado de Goiás (Fundepec), Antônio Flávio; vereadores por Alexânia; presidentes de sindicatos rurais, associações e entidades.

Fonte: Secretaria de Comunicação (Secom)

Fonte: Portal Goiás

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -